Finalmente saiu a Avaliação Quadrienal da Capes para o período 2017-2020 e a Rede Nacional PROFHISTÓRIA pulou da nota 4 para a NOTA 5! A Avaliação incidiu sobre 3 (três) ítens centrais - o Programa, a Formação e o Impacto na Sociedade -, que obtiveram o conceito “Muito Bom”. Para uma rede que atualmente é composta por 39  programas profissionais de Mestrado articulados por todo o país, esta Nota 5 consolida o nosso campo de pesquisa na Área de História.

A Rede Nacional PROFHISTÓRIA lança o edital do Exame Nacional de Acesso 2023.

O Edital Nacional do ProfHistória 2023 chegou!

Confiram as informações gerais :

Período de Inscrição: 30/08/2022 até 06/10/2022

E-mail para contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Sobre a Rede Nacional PROFHISTÓRIA

O ProfHistória, programa de pós-graduação stricto sensu em Ensino de História, reconhecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) do Ministério da Educação, visa à formação continuada do docente em História que atua na Educação Básica, propiciando qualificação certificada para o exercício da profissão. O ProfHistória, que conduz ao título de Mestre em Ensino de História, é um curso presencial, com oferta simultânea nacional, coordenado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Início de semestre no PROFHISTÓRIA/UFPA significa também a retomada do nosso mais tradicional evento interno! O 5° Simpósio de Linhas de Pesquisa é um daqueles momentos em que docentes permanentes, colaboradores/as e egressos/as se unem na formação profissional da turma ativa. Um círculo virtuoso no qual todos e todas constroem-se um pouco mais na sua caminhada de professor e de professora de História. É também uma oportunidade de encontros, trocas de experiência, afetos e projetos de futuro entre todos e todas!

É muito bom!

O evento será integralmente presencial e acontecerá no Auditório da UFPA/Campus Universitário de Ananindeua (Colégio Intelectual).

 

 

 

O premiado livro “Ensinar História com o Museu. Produzindo a Balaiada a partir do patrimônio e da memória histórica”, de autoria da egressa Rosangela de Oliveira Duarte, também foi lançado, no último dia 17 de junho, em formato digital (e-book), com acesso gratuito. A obra, que foi publicada com recursos do PROFHISTÓRIA/UFPA, é um Recurso Educacional Aberto e já está disponível no sítio da Editora CVR e na Plataforma EduCapes, no endereço abaixo:

EDUCAPES: https://educapes.capes.gov.br/handle/capes/701840

É com satisfação e orgulho coletivo que convidamos todos e todas para o lançamento do livro “Ensinar História com o Museu. Produzindo a Balaiada a partir do patrimônio e da memória histórica”, de autoria da nossa egressa Rosângela de Oliveira Duarte, que acontecerá presencialmente no dia 17/06/2022 (sexta-feira), às 16h30, no Auditório do Campus de Ananindeua. Este trabalho foi premiado com o 1º. Lugar no Prêmio Profhistória/UFPA de Melhor Dissertação (Turma 2018) e recebeu menção honrosa no Prêmio ProfHistória Nacional, ficando entre as 6 melhores dissertações da Rede ProfHistória. A Profa. Rosângela Duarte gentilmente se dispôs a vir do Maranhão para este lançamento presencial, que terá a versão e-book e contará com a comercialização de exemplares impressos, com direito às tradicionais dedicatórias.

Não percam este importante momento do nosso Programa! Divulguem para professores e professoras de outros Programas de Pós-Graduação e da Educação Básica!

No último dia 1 de abril de 2022 foi publicada, na edição extraordinária do Diário Oficial do Estado do Pará, a nomeação da Profa. Dra. Edilza Joana Oliveira Fontes, professora permanente do PPGEH/PROFHISTÓRIA da UFPA, para assumir a direção executiva da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica – SECTET, do Governo do Estado do Pará. A Profa. Edilza Fontes participou ativamente da fundação do PROFHISTÓRIA/UFPA, tendo sido sua primeira coordenadora entre 2015 e 2019.

O Programa de Pós-Graduação em Ensino de História da UFPA (PPGEH/PROFHISTÓRIA) promoverá a sua tradicional Aula Magna para a Turma 2022, que representa o marco inicial do período letivo do mestrado profissional. A Aula Magna contará com as boas vindas da Coordenação e Corpo Docente à comunidade acadêmica, cuja culminância será a conferência ministrada pela Profa. Dra. Vera Lúcia Caixeta (UFT) e terá como tema “O ProfHistória na Amazônia: desafios e possibilidades”. O evento será realizado presencialmente no Auditório do Campus Universitário de Ananindeua (Colégio Intelectual), no dia 14/03 (sexta-feira), a partir de 14h00, sendo obrigatória a apresentação do Certificado Nacional de Vacinação COVID-19 ou Carteira de Vacinação do SUS, com a comprovação de avanço do ciclo vacinal (2a e 3a doses) contra o Novo Coronavírus.

A obra “Diversidade étnico-racial e as tramas da escrita: historiografia, memória e ensino de história indígena na contemporaneidade” é resultado de um esforço coletivo no campo do ensino e da aprendizagem de História e suas relações com os debates acerca da educação para as relações raciais no Brasil contemporâneo. A proposição da coletânea partiu dos estudos, pesquisas e ações desenvolvidas pelos organizadores, nos Grupos de Pesquisa “Cultura, Diversidade e Ensino de História, da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), e do “Etrúria: Laboratório de Estudos de Memória, Patrimônio e Ensino de História”, da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), juntamente com a colaboração de professores/pesquisadores de diferentes instituições brasileiras. Os estudos e debates dão ênfase para diferentes aspectos do fazer historiográfico e do ensino de História, como: formação de professores para o exercício da docência na educação básica, ensino de História e educação escolar indígena, educação para as relações raciais africana e afro-brasileira, diversidade cultural, identidade e diferença, educação histórica, narrativas, memória, imaginário e patrimônio, fronteira, memória e ensino de História. 

Faça o download em: https://www.paruna.com.br/ebooks

A obra A pesquisa no ProfHistória: entre lugares, saberes e sujeitos - organizada por Elison Antonio Paim, Jane Bittencourt e Mônica Martins da Silva -, é composta por um conjunto de capítulos elaborados por estudantes e docentes do Programa de Mestrado Profissional em Ensino de História (ProfHistória) da Universidade Federal de Santa Catarina. A coletânea aponta para a potência criativa, criadora e transformadora de investigações desenvolvidas por professores da educação básica em seus contextos de atuação profissional e que são parte de uma política de formação que já alcançou quase 2.000 professores de História que ingressaram no curso, nas diferentes instituições de todo o país, até 2020. Os artigos, situados em distintos estágios de desenvolvimento da pesquisa, representam uma multiplicidade de formas de se propor e desenvolver pesquisas no contexto do curso, que estão organizados em torno de três eixos centrais: Lugares, saberes e memórias; Saberes e sujeitos da/na escola; Saberes escolares, linguagens e fontes. O livro está em formato eletrônico (e-book) e é um Recurso Educacional Aberto (REA), com acesso gratuito pelo link: https://www.pimentacultural.com/pesquisa-profhistoria

Boa leitura!

A primeira ótima notícia de 2022 é a publicação do livro Ensinar e Aprender História na Era dos Smatphones, de autoria de Anderson Rodrigo Tavares Silva. Egresso do Programa de Pós-Graduação em Ensino de História da UFPA, Anderson Silva traz à lume uma interessante pesquisa, produto de sua dissertação de mestrado, realizada com alunos e alunas de ensino médio de uma escola pública de Ensino Médio do município de Belém-PA, na qual desenvolveu uma proposição didática inovadora com fonte históricas sobre o tema “Regime Militar Brasileiro”. Dessa rica experiência, o autor ainda estimulou a aprendizagem histórica e a expressão dialógica do alunado através da produção de materiais audiovisuais de curta duração, tendo os smatphones como ferramenta didática. Um estudo inovador, com uma problemática importante, que pode auxiliar muitos/muitas docentes da Educação Básica a lidar com o smatphone como ferramenta que traz possibilidades outras de ensinar e aprender História.

O lançamento do livro Ensinar e Aprender História na Era dos Smatphones acontecerá presencialmente no dia 15/01/2022, a partir de 18h00, no Restaurante Rota 66, na esquina da Av. Almirante Barroso com a Tv. Angostura. Não perca!

A Comissão Acadêmica Nacional (CAN) da Rede PROFHISTÓRIA divulgou, no dia 3 de Dezembro deste ano de 2021, a lista de candidatos(as) classificados(as) e aprovados(as) no Exame Nacional de Acesso 2022. O PPGEH/PROFHISTÓRIA da UFPA teve todas as suas 27 vagas ofertadas no Edital devidamente preenchidas. Abaixo, segue a lista de classificação, conforme publicada pela CAN.